Momento de higienizar mentes

Compartilhe:

Em tempos de crise, provocada, pela pandemia do coronavírus, criar coisas novas é mais do que necessário. Fundamental. E isso inclui estratégias que possam arejar a mente e mantê-la no lugar, sem pânicos. O isolamento social trouxe incômodo e o medo da contaminação gerou preocupação, mas foi o impacto econômico que a quarentena apresentou que mais assustou a população mundial.

 

Alerto os confrades e confreiras. Não tenho graduações, pós ou mestrados em psicoterapias, psicologias. Aqui mais uma de minhas ousadias em temas comportamentais. Claro, este aqui está igualmente motivado por estar inserido dentro desta pandemia junto aos mais de 8 bilhões de irmãos terráqueos dentro deste planeta que tem controvérsias se é redondo ou plano.

23/8/2020 16:07:32. Uma pandemia com grandes impactos na saúde e em níveis sociais, econômicos, políticos. Uma situação apocalíptica uns dizem, ou reflexão básica: ela veio frear o ser humano da vida frenética que estávamos levando. O amor, a compaixão, a empatia pelo próximo estavam morrendo a olhos vistos.

Enquanto o mundo tenta se adaptar à nova realidade em meio aos crescentes casos de coronavírus, a regra está clara, as pessoas vão sobrevivendo como podem e tirando algumas lições importantes.

O que a pandemia do coronavírus nos forçou a aprender? Já é comprovado que a ansiedade e o estresse afetam o sistema imunológico e a tendência é que a sociedade passe a ter o autocuidado como prioridade.

Enquanto não temos noticias animadoras da vacina russa a Sputinik V ou congêneres, para possível declínio de curva de crescimento pelo coronavirus no Brasil, continuamos consumindo as novidades exibidas em canais abertos ou pagos da televisão, mercado musical através de aplicativos adequados, neste isolamento social nunca antes pensado ocorrer neste Planeta Água, esperando ser sugado por algum buraco negro.

Que tal aproveitar também como passatempo angariar energias positivas higienizando diariamente nossas mentes? É preciso cuidar de áreas internas (a cabeça, a psique ou a alma) onde álcool em gel não penetra e mascaras não tem efeito.

Sim, podemos concentrar força de vontade nutrida por anseios de esclarecimentos e conhecimentos. Aqui, higienizo-me de tentações    gratuitas    expostas    no    Youtube    sugestionando “viagens  virtuais  alucinógenas  em  tipos  de   gozos  meia boca” acompanhados de ‘rinhas no estilo 5 versus 1’. (Argh...)

Prefiro os gozos e êxtases fortes que a leitura de livros jurídicos e temas de filosofia e literatura brasileira  proporcionam. Leituras inspiram pautas ampliando percepções em meditações quânticas.

Esclareço-vos gafanhotos, que para alcançar viagens em gozos e êxtases imediatos em terceiro grau, alcançados em leituras e escritos, não preciso ‘narigar sais do senador” nem tampouco ‘inspirar gazes de pedra preta’ ou tragar fumaça de ‘cannabis sativa’.

Neste isolamento social e de distâncias, diariamente ‘mato a saudade’ usando tecnologia das redes sociais em vídeo- chamadas para colocar o papo em dia com amigos, familiares, filhos e netos.

Passo ao largo de entulho mental acumulado em reprises de novelas da Globo, final de campeonatos pela TV, plataformas de streaming de sofrenadas com artistas horríveis.

Acrescentem-se as overdoses de informações, entre elas as fake news, causando ansiedades. O Brasil vem sendo bombardeado por fakes news nos últimos anos e não foi diferente no caso da pandemia e percebemos o valor que tem uma comunicação clara e honesta. A internet e as TVs brasileiras estão mais infectadas que o mundo.

Essa volta ao passado, é muito mais perniciosa do que a bagunça de máscaras de pano, preservativos atirados nos lixos de ruas em nosso já sofrido e decadente meio ambiente.

Caros Watsons, sobreviventes até aqui da Covid 19. Contudo, não podemos descuidar dos impactos psicológicos profundos que tal situação pode produzir em toda coletividade nesta ocasião tão inesperada e escabrosa.

Alertas. Quantas vezes amamos e curtimos mais os shoppings, os bares, a academia, estádios de futebol, as igrejas, as praias, os clubes, a sauna, as baladas e tantos outros espaços que nossas próprias casas? O tempo atual exige #FIQUEemCASA. Nossas Casas, nossos Templos!

Desse modo, compartilho benéficos conselhos terapêuticos: - É preciso se reconciliar com a CASA. E casa não é apenas um aglomerado de pessoas, cada qual no seu canto com seu celular; tampouco é uma simples construção material (chão, paredes, teto, escadas, armários, geladeira, fogão, televisão).

Casa é um sistema psíquico vivo. Casa sem afeto e encanto é uma tenda vazia no deserto invadida por tempestades de areias.

 

Mais orientações de Terapeutas para amenizar o isolamento social?     
Anotem e coloquem em pratica.

  1. - Embeleze o máximo que puder a sua casa, faça possíveis mudanças nos móveis, camas;
  2. - Não despreze os momentos de oração e nem os dedescontração;
  3. - Dê mais atenção aos familiares, aos quadros, as músicas, as comidas produzidas com gosto e afeto, aos livros e a oportunidade de ler de histórias, assistir filmes declamar poesias;
  4. - Não despreze também os momentos de silêncio; os seus momentos pessoais… Às vezes a família abafa e asfixia;
  5. - A frase “mente sã em corpo sadio” pode ser assim formulada: “corpo limpo em mente higienizada”.

O confinamento tem feito muita gente descobrir-se ansioso, deprimido, mas tem vários motivos para colocar a saúde mental em dia.

Amigos e amigas deste escriba, desejo a vocês reflexão  e  clareza, abertos às mudanças necessárias para que o bem-estar coletivo e a economia possam ser restabelecidos o quanto antes.

Perguntas que não calam-se: Como vamos sair dessa pandemia? Um ser humano melhor, igual ou pior?

Discípulos de Arquelau de Atenas, Sócrates, Platão e Aristóteles, Agostinho de Hipona, Heidegger, Foucault, Comte, Cortella, conclamo: “Juntos vamos derrotar o vírus unidos pela informação e responsabilidades”. #FIQUEemCASA.

Oremos pelos nossos irmãos do Líbano, Venezuela e refugiados espalhados pelo mundo. Vocês fazem parte no tudo a ver cósmico neste canto do Universo. Boa jornada!

Publicidade

Últimas colunas

Isabela Manchini
Isabela Manchini FATOS SOBRE A PARTE ÍNTIMA FEMININA
FATOS SOBRE A PARTE ÍNTIMA FEMININA
Jótha Marthyns
Jótha Marthyns CUMPRE DAR UM CHOQUE ÉTICO NA SOCIEDADE MUNDIAL. ACORDÁ-LA DE SUA ANESTESIA MORAL
CUMPRE DAR UM CHOQUE ÉTICO NA SOCIEDADE MUNDIAL. ACORDÁ-LA DE SUA ANESTESIA MORAL
Jótha Marthyns
Jótha Marthyns ESTÁ ESCRITO NAS ESTRELAS
ESTÁ ESCRITO NAS ESTRELAS

Últimas colunas

Isabela Manchini
Isabela Manchini FATOS SOBRE A PARTE ÍNTIMA FEMININA
FATOS SOBRE A PARTE ÍNTIMA FEMININA
Jótha Marthyns
Jótha Marthyns CUMPRE DAR UM CHOQUE ÉTICO NA SOCIEDADE MUNDIAL. ACORDÁ-LA DE SUA ANESTESIA MORAL
CUMPRE DAR UM CHOQUE ÉTICO NA SOCIEDADE MUNDIAL. ACORDÁ-LA DE SUA ANESTESIA MORAL
Jótha Marthyns
Jótha Marthyns ESTÁ ESCRITO NAS ESTRELAS
ESTÁ ESCRITO NAS ESTRELAS

Publicidade