Logo Portal Ternura
03/06 - IBITINGA-SP
° °

Polícia militar aborda menor com milho verde. Suspeita é produto de furto

Segundo informações dos moradores, uma Kombi branca também estava vendendo milho em fardos idênticos ao do adolescente. Produtos foram apreendidos


Por suspeita de furto, um adolescente de 16 anos foi abordado ontem (14), por volta das 15 horas em Ibitinga. 

Durante patrulhamento de rotina  pelo Jardim Flamboyant, a polícia militar se deparou com o adolescente que estava com um saco de milho verde tentando vendê-los para os moradores do bairro.

Abordado, o mesmo afirmou que os produtos foram encontrados "jogados" num quintal. Porém, segundo informações dos moradores, uma Kombi branca havia circulado pelo bairro há poucos minutos antes, fazendo a venda do mesmo milho, com fardos idênticos ao que o menor carregava.

O menor foi encaminhado à delegacia de polícia e o fardo ficou apreendido por ser de procedência duvidosa.


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Ibitinga

mais notícias

IBITINGA
há 12 horas atrás

IBITINGA

IBITINGA
SAAE realiza 3ª etapa de interligação de abastecimento do Jardim Paineiras
há 17 horas atrás

SAAE realiza 3ª etapa de interligação de abastecimento do Jardim Paineiras

SAAE realiza 3ª etapa de interligação de abastecimento do Jardim Paineiras
Casa da Sopa reabre bazar a partir de hoje (02)
há 19 horas atrás

Casa da Sopa reabre bazar a partir de hoje (02)

Casa da Sopa reabre bazar a partir de hoje (02)
Ibitinga: lojas dão exemplos de boas práticas na prevenção à COVID-19
há 19 horas atrás

Ibitinga: lojas dão exemplos de boas práticas na prevenção à COVID-19

Ibitinga: lojas dão exemplos de boas práticas na prevenção à COVID-19
DENGUE: Ibitinga registra 36º caso e população precisa redobrar os cuidados
há 19 horas atrás

DENGUE: Ibitinga registra 36º caso e população precisa redobrar os cuidados

DENGUE: Ibitinga registra 36º caso e população precisa redobrar os cuidados