Araraquara já registra mais de 8 mil casos de dengue este ano

Segundo a Vigilância em Saúde, foram registradas 8.202 notificações positivas da doença que já causou 13 mortes. Equipes fazem ações em bairros nesta sexta-feira (20).

Compartilhe:

Araraquara (SP) ultrapassou os oito mil casos de dengue de dengue, segundo boletim divulgado na quinta-feira (19). Segundo a Vigilância em Saúde, foram registradas 8.202 notificações positivas da doença que já causou 13 mortes na cidade.

Segundo a Vigilância, foram 150 casos registrados em janeiro, 701 em fevereiro, 4.412 em março, 2.697 em abril e 242 em maio.

O número de confirmações neste ano se aproxima da segunda maior epidemia vivenciada pela população em 2015, quando somente em um ano foram notificados 8.242 casos.

Ações nos bairros

Equipes de bloqueio de dengue passam por bairros de Araraquara — Foto: Prefeitura de Araraquara/Divulgação
Equipes de bloqueio de dengue passam por bairros de Araraquara — Foto: Prefeitura de Araraquara/Divulgação

 

Nesta sexta-feira (20), mais sete bairros receberão ações da prefeitura com o objetivo de conter a epidemia e combater o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika, chikungunya e febre amarela.

Os agentes de combate a endemias da Vigilância Epidemiológica realizarão trabalhos de vistoria casa a casa em busca de possíveis criadouros nos bairros do Jardim Biagioni, Jardim Santa Lúcia, Vila Santa Maria e Jardim do Bosque.

Já a nebulização passará pelo Jardim Nova Época, enquanto o fumacê será realizado no Jardim dos Manacás e Parque das Laranjeiras.

Os agentes de combate a endemias da Vigilância Epidemiológica trabalham sempre uniformizados, com camiseta cinza e colete marrom, além de circularem em carros oficiais.

Equipes de combate à dengue vistoriam casas em Araraquara — Foto: Tete Viviani/Prefeitura de Araraquara
Equipes de combate à dengue vistoriam casas em Araraquara — Foto: Tete Viviani/Prefeitura de Araraquara

 

É importante observar a identificação do agente e autorizar a sua entrada. Em caso de dúvida, o morador também pode ligar no Controle de Vetores, nos telefones 3303-3123 e 3303-3124.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone da Ouvidoria da Vigilância Epidemiológica, que é o 0800-7740440, ou no WhatsApp da Prefeitura, o (16) 99760-1190.

Vale lembrar que o descarte irregular de lixo, resíduos sólidos, volumosos (sofás, poltronas e colchões) e queimadas em área urbana e rural também causam danos à saúde e ao meio ambiente. A denúncia aos órgãos oficiais pode ser feita pelo telefone (16) 3339-5000.

 

Atendimentos

Com o aumento no número de casos e mortes por dengue, a prefeitura alerta para os sintomas da doença: febre, dor no corpo, dor de cabeça, dor atrás dos olhos e manchas pelo corpo.

Em caso de sintomas, o Centro de Atendimento de Dengue funciona no hospital de campanha, diariamente, inclusive aos finais de semana e feriados, das 7h às 21h.

Também é possível ser atendido nas unidades de saúde do município - que atendem casos suspeitos de dengue -, os postos funcionam de segunda a sexta-feira das 7h30 às 16h30.

As Unidades de Pronto Atendimento (UPA) funcionam 24 horas, inclusive a da Vila Xavier, que voltou a atender outras patologias, até mesmo dengue.

No momento em que o paciente procurar o atendimento, ele deve levar RG, Cartão SUS e um comprovante de endereço com CEP.

 

 

Fonte: G1

Compartilhe:

Comentários (0)

silhueta de um avatar

Escreva seu cometário...

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Publicidade

Mais notícias sobre Nacional e Internacional

Governo vai discutir nova cartilha que dificulta acesso da mulher ao aborto legal

Governo vai discutir nova cartilha que dificulta acesso da mulher ao aborto legal

Governo vai discutir nova cartilha que dificulta acesso da mulher ao aborto legal

Governo paga hoje Auxílio Brasil a beneficiários com NIS final 6

Governo paga hoje Auxílio Brasil a beneficiários com NIS final 6

BC projeta crescimento de 1,7% do PIB para 2022

BC projeta crescimento de 1,7% do PIB para 2022

Almir Sater é 'parado em blitz' e policiais tietam cantor: 'o senhor é o dono dessa chalana?'

Almir Sater é 'parado em blitz' e policiais tietam cantor: 'o senhor é o dono dessa chalana?'

Mais notícias sobre Nacional e Internacional

Governo vai discutir nova cartilha que dificulta acesso da mulher ao aborto legal

Governo vai discutir nova cartilha que dificulta acesso da mulher ao aborto legal

Governo vai discutir nova cartilha que dificulta acesso da mulher ao aborto legal

Governo paga hoje Auxílio Brasil a beneficiários com NIS final 6

Governo paga hoje Auxílio Brasil a beneficiários com NIS final 6

BC projeta crescimento de 1,7% do PIB para 2022

BC projeta crescimento de 1,7% do PIB para 2022

Almir Sater é 'parado em blitz' e policiais tietam cantor: 'o senhor é o dono dessa chalana?'

Almir Sater é 'parado em blitz' e policiais tietam cantor: 'o senhor é o dono dessa chalana?'

Publicidade