Logo Portal Ternura
07/08 - IBITINGA-SP
° °

Brasil reconheceu sete apátridas em 2020

Balanço mostra que desde 2017 foram 16 reconhecimentos.



Foto: Reprodução/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
 

Um balanço divulgado nesta segunda-feira (13) pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública revela que 16 imigrantes - nove mulheres e sete homens - foram reconhecidos  como apátridas desde a nova Lei de Migração, em vigor desde 2017. Do total , sete reconhecimentos ocorreram em 2020. Entre os 16, quatro se naturalizaram brasileiros em 2018 e 2019.

Além de autorização de residência no Brasil por prazo indeterminado, os apátridas passam a ter assegurado o exercício de todos os direitos e garantias, em condição de igualdade com brasileiros, inclusive direito ao voto. 

Ao ter registrada a residência no Brasil, os apátridas têm direito à Carteira de Registro Nacional Migratório, o documento que facilita a vida civil do portador, que passa a ter condições de acesso a emprego e a serviços públicos e bancários.

Segundo o secretário nacional de Justiça, Cláudio de Castro Panoeiro, o Brasil é signatário de uma convenção internacional para erradicação da apatridia e é reconhecido como modelo por outros países. “O tratamento que o Estado brasileiro oferece a essas pessoas, dando-lhes condições de pertencimento a um território, a um país, a uma cultura, estimula histórias de recomeço, com segurança e proteção do governo”, observa.

Para cumprir essa convenção, segundo o Ministério da Justiça, a legislação brasileira oferece um trâmite de naturalização diferenciado. O processo reduz o prazo de residência exigido para obtenção da nacionalidade.

Entre os 16 apátridas reconhecidos pelo Brasil estão cidadãos da Síria (2), do Egito (2), da China, Polônia, do Kuwait, Suriname, da Alemanha, do Paraguai, da Palestina, do Líbano (4) e Japão. 

 

 

Fonte: Agência Brasil


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Hiroshima: primeiro ataque com bomba atômica completa 75 anos
há 21 horas atrás

Hiroshima: primeiro ataque com bomba atômica completa 75 anos

Hiroshima: primeiro ataque com bomba atômica completa 75 anos
Desemprego sobe para 13,3% no 2º trimestre, com queda recorde no total de ocupados
há 21 horas atrás

Desemprego sobe para 13,3% no 2º trimestre, com queda recorde no total de ocupados

Desemprego sobe para 13,3% no 2º trimestre, com queda recorde no total de ocupados
Veterinário orienta sobre cuidados com a alimentação dos pets durante o inverno
há 21 horas atrás

Veterinário orienta sobre cuidados com a alimentação dos pets durante o inverno

Veterinário orienta sobre cuidados com a alimentação dos pets durante o inverno
Morre liderança indígena do Alto Xingu
há 23 horas atrás

Morre liderança indígena do Alto Xingu

Morre liderança indígena do Alto Xingu
Número de mortes por covid-19 cai 7% em uma semana
há 23 horas atrás

Número de mortes por covid-19 cai 7% em uma semana

Número de mortes por covid-19 cai 7% em uma semana